LOTTE GRIGEL VAI JOGAR NO ROSTOV DON

Lotte Grigel tem lugar cativo na seleção dinamarquesa, dividindo a posição de central com a extraordinária Kristina Kristiansen. Na Dinamarca, jogava pelo Team Esbjerg, um dos melhores times da liga nas últimas duas temporadas, e, ainda por cima, o time em que ela se formou e joga desde criança.

Acontece que ela se desentendeu com o técnico do Esbjerg, Lars Frederiksen, e o desentendimento veio a público. O time fez um comunicado oficial reconhecendo a desavença e dando uma semana de folga para Grigel. Ao fim dessa semana, houve uma reunião, e Grigel inclusive contratou um mediador profissional para conduzir a tentativa de reconciliação. Porém, não houve entendimento e ela não aceitou continuar no Esbjerg sob a direção de Frederiksen. O clube, então, aceitou liberá-la para algum outro desde que fosse estrangeiro e que pagasse pela liberação. Eis que o Rostov Don, atual campeão russo e treinado pelo dinamarquês Jan Leslie, pagou e levou.

Muito estranha essa história toda, sobretudo porque não costumamos relacionar esse tipo de desentendimento com a natureza supostamente fria e racional dos nórdicos. Mas o fato é que o Rostov, se já era forte na posição de central com Ekaterina Ilina, agora está esbanjando talento por ali.